4 novembro, 2009

Untitled-1_05

E AGORA, ESPECTADORES? COMO VOCÊS EXPLICAM MAIS ESSA?

misterb1

ÉÉÉÉ, MISTER B, VOCÊ CONTINUA O MESMO DE SEMPRE RSRSRSRS


Muitos convites para o Novo Orkut

29 outubro, 2009

novoorkut

Aí, quem quiser conferir essa nova balada SHOWWWW só pedir convite pra mim ou pro Teletube. Somos os promoters da festa. Na minha mão é mais barato. Na porta sai o dobro do preço e a metade da bebida.

Homem: Cincão e ganha 5 cervejas

Mulher: NA FAIXA

Mulher sem calcinha: ganha 1 shot de vodka

Dia 05/11, hein.

GUARDEM ESSE NOME: NOVO ORKUT!

APAREÇAM!


NIETZSCHE VIVE!

28 outubro, 2009

“Há um Nietzsche dentro de  todos nós” (Clarice Lispector)

É com essa frase que inicio essa busca interna pelo meu verdadeiro eu, pela minha manifestação mais intrínseca a mim mesmo.  KKKKKKKKKK só zoação

O que quero dizer é que qualquer lugar que você procure, ELE ESTARÁ LÁ, firme e forte.

A forma mais comum dele se manifestar é na RINIETZSCHE! ATCHIBA!

Ai essa forma aparece muito em mim. Sinto NIETZSCHE dentro de mim tomando meu corpo (sem viadage) e aí eu espirro e ele continua em mim. E curto foda-se quem é sado eu sou + eu se você não é azar o seu

A segunda forma mais comum é a TENDINIETZSCHE.

Afffffffffff nem vou falar com que eu tenho isso porque senão fica feio pro meu lado…………………. dores.

Aí vem a adolescência né e a PAIXONIETZSCHE.

DESENHOS JAPONESES E TUDO MAIS QUE VOCÊ POSSA APROVEITAR PARA FICAR BEM APAIXONADO E BATER UMA BEM BATIDA DE MORANGO COM LIMÃO. Caipirinha QUE DELICIA

Se você não curte CARTOONS e adora GAMES sabe que no maior jogo deles todos ele aparece no NIETZSCHE FOR SPEECH!!!! Comprem.

MULHERES QUE ADORO? ESSA DO PAPEL DE PAREDE DO VIDEOGAME BAIXAKI! D+

Aí quando tudo se esclarece, você vê a vida com NIETZSCHE10

desculpa se você ainda tem uma CCE, mas aqui é LSD sony brava

:/

Queria agradecer ao Orkut.

Obrigado, Orkut.

TELETUBE | PAGALANXE (POR QUE ESSE NOME IMBECIL?)


Vida sofrida

16 outubro, 2009

Pra todo mundo que acha que eu sou um playboy que nasceu em berço de ouro, não tem a menor ideia do que passei nessa vida de meu deus. Eu não tive que cortar cana, carpir mato ou plantar bananeira porque eu moro na cidade. Se eu morasse no campo, pode ter certeza que eu seria o responsável por pegar a merda do cavalo.

Pra começar, nunca tive emprego fixo, trabalho fixo ou remuneração fixa. Curto ser nômade, andar por aí, conhecer novas pessoas… NÃÃÃÃO! Eu não curto nada disso. Só queria um mísero emprego fixo, com carteira assinada pra eu mostrar pra minha vó e dizer: “Tá vendo, Vó, trabalho no Programa do Gugu”. Como ela mal sabe ler e não tem ideia de que merda alguém faz em publicidade, é mais fácil dizer isso, porque ela é hiper fã do Loirinho e vai sentir orgulho de mim, garantindo meus R$30 reais de presente no Natal.

Mas como a situação tá difícil e ninguém tá afim de dar um emprego, então tô nem aí. Vou continuar acordando tarde, mesmo sendo um dos caras mais trabalhadores e batalhadores desse Brasil.

boca_maloquero

Minha carreira profissional começou logo cedo. Tinha um ótimo perfil empreendedor e pensava em ficar rico a curto prazo. Logo no meu primeiro emprego, fui boicotado por uma senhora que acabou com todas as  minhas aspirações: minha mãe.

Eu gostava muito de tomar gelinho (geladinho, sacolé ou outros nomes que não sei), até porque é mais rápido, é mais jovem mesmo. Sem contar que era baratinho. Na época, custava 15 centavos os feitos com suco natural. Muito bons. Sem contar os gelões, que pareciam uma pica grossa e eram vendidos por  apenas 25 centavos. Isso soou gay, relevem.

Pois bem. Diante do impasse de tomar muitos gelinhos, decidi produzir minha própria série para tomar, vender e ganhar uma grana. Comprava altos Ki-sucos (Tang? HAHAHA. Tang era o triplo do preço de um Ki-suco e eu, com pensamento voltado a negócios, queria maximizar meus lucros) para fazer os meus. Uva, Graviola, Framboesa, Morango… em média, 1 litro de ki-suco fazia 15 gelinhos. Como queria desbancar a concorrência, vendia meus gelinhos a 10 centavos, logo, 15 gelinhos a 10 centavos, iriam me render R$1,50 bruto. Tirando os 30 centavos do suco, minha mão de obra, luz, água, açúcar, os gelinhos que meu pai pegava… acho que dava pra ganhar uns 50 centavos a cada 15 feitos. Super grana. Dava pra comprar três mini-raias (pipa).

Como bom comunicador desde pequeno, coloquei uma plaquinha no portão anunciando que eu tinha entrado no ramo. Não demorou pra todos os meus vizinhos virem comprar e contraírem dívidas de 40 centavos, 60 centavos, o que me deixava extremamente puto. Porém, o que me deixou mais puto foi minha mãe. Ela ficou com vergonha da minha atitude empreendedora e arrancou minha plaquinha: “Para de ser besta. Dá todos esses gelinhos, não vai vender pra ninguém”. E saiu distribuindo pra quem quer que fosse minhas obras-primas-alimentícias. Noooooooossa. Sou um cara de muito bom coração, senão eu JAMAIS teria perdoado essa atitude dela.

Ok, mãe. Não quer que eu seja vendedor de gelinho, uma profissão honesta,  digna, então vou fazer uns bicos na Páscoa. Pra vocês terem uma ideia, me tornei o maior responsável pelo faturamento de uma senhora que fazia Ovos de Páscoa. E qual era meu cargo? Vendedor de rifas. Em troca do meu trabalho, ela me dava um ovo igual ao que estava sendo rifado. Bem legal. Juro que conseguia vender 5 rifas de 100 números em uma semana. Eu era pequeno, “inocente” e todo mundo comprava. Uma pena que eles nunca souberam que eu era o maior fraudador da história das rifas.  Conseguia fazer um esquema com a luminária que eu via o nome de quem ia ganhar antes. Em troca desse nome, oferecia a uma pessoa X por um preço mais elevado. Negócios são negócios. E criança quer sempre comprar algo útil, tipo… mais pipas.

rifa 2

Tive esse emprego temporário por uns 6 anos. Como eu mal ganhava Ovo de Páscoa dos meus pais/parentes, consegui alimentar minha família nesse período.

Já mais crescido, decidi que iria trabalhar com o que eu gostava de verdade: pipas. Eu gostava muito de empinar pipa (ainda gosto) e queria fazer os meus pra não ter que gastar comprando novos. Fui contratado no Cel Pipas pra fechar MINI-RAIAS, que são menores que as raias.

cel

O pagamento variava de acordo com a produção. Para cada raião fechado, ele pagava 3 centavos e meio. Para cada raia fechada, ele pagava 2 centavos e meio. Já eu, um escravo cambojano, fechava as porras das MINI-RAIAS… e ganhava 1 centavo e meio por cada fechamento.

Eu já sabia fazer, tanto que achei que seria fácil. Fiz 600 pipas em 5 dias e pedi as contas, porque empinar pipa era bem mais legal do que fazê-las. Saldo final: 9 reais em uma semana e um sorriso de orelha a orelha por poder comprar todos os pipas que eu mesmo fiz. Tudo bichado, penso, torto, mas beleza, hehehe.

No ano seguinte, me arrisquei na pior profissão do mundo: ser estoquista na Handbook do shopping Center Norte (SP). Acho que não há algo pior e mais humilhante do que ficar procurando roupas para um bando de imbecis, só porque você ainda não tem 18 anos e não pode ser vendedor. Que desgraça. Trabalhava das OITO da manhã até as DUAS da manhã em regime semiaberto no período do Natal. Até os presos veem sua família no Natal… só eu que não comi peru porque tava trabalhando. Puta vida miserável. Ainda bem que era temporário, porque eu não ia aguentar mais de 1 mês naquele inferno.

Passado as babaquices infantis de tentar conseguir dinheiro para ir a domingueiras e matinês, entrei na faculdade e me conscientizei que dali pra frente só arrumaria trabalhos fixos. Quisera eu. O primeiro que arrumei foi um freelance para um bando de universitários de uma faculdadezinha meia boca para fazer direção de arte pro trabalho de conclusão de curso deles. Totalmente estressante, porque os animais não sabiam a diferença entre Pantone e CMYK.

Seguindo a linha, virei estagiário numa das melhores agências de São Paulo e consegui remuneração fixa por vários meses. Ufa! Até que enfim. Ganhar VR  (vale-refeição) mensalmente parece um presente divino. Eu economizava muito no almoço para levar minha namorada pra ir jantar no final de semana com o santo VR.  Salário de estagiário é triste. Nunca que eu ia conseguir bancar alguma coisa sem meu amado, idolatrado, lindo e fofuxo VR. Já que você pensou nisso, pobre é tua mãe.

Em paralelo à faculdade e aos estágios, criei 700 comunidades do Orkut que não me serviram pra bosta nenhuma, porque me recusei a ganhar dinheiro com propaganda pra não deixar “visualmente feio o layout”. Como sou imbecil. Muito imbecil.

Desisti de criar comunidades e passei a criar frases pra concursos culturais pela internet. Ganhei algumas coisinhas e consegui me sustentar com um prêmio que vendi.

Hoje sou considerado blogueiro. Cheguei ao fundo do poço.

Me sigam aí no Twitter, lindos.


GRAÇA, CADÊ?

13 outubro, 2009

Não sei qual a opinião de vocês sobre o humor brasileiro, mas eu tenho a minha e digo que ele é involuntário. Achamos graça das pessoas que não nasceram pra fazer humor (o bom é que elas sabem perfeitamente disso), não sabem contar piadas e não fazem micagens para parecer que são engraçadas. Rimos da vergonha alheia e não de algo que é roteirizado para fazer rir. Ruth Lemos, Sonia Youtubil, Sônia Abraão ou Árveres somos nozes são exemplos do decadente humor brasileiro.

Foi-se o tempo em que achávamos bom um determinado programa de TV e virávamos fãs. O problema de tudo é a insistência na mesma fórmula. RockGol já foi engraçado, Pânico já foi engraçado, CQC já foi engraçado, Stand Up Comedy já foi engraçado… mas todos saturaram de tantas repetições. Por mais que você goste do tipo de humor, enche o saco ter que ver e rever as mesmas piadinhas de duplo sentido que meu tio faz num churrasco de família. Se já chegou no meu tio, a coisa tá feia, porque é algo que já perdeu a graça faz tempo.

Atualmente, rio mais DO stand up comedy do que COM stand up comedy. O interessante é ver que agora tudo é stand up. Todo mundo faz stand up, todos sabem fazer stand up, todos sobem no palco e falam de assuntos cotidianos com a formulinha trazida (e bem distorcida) pelo Seinfeld e difundida no Brasil pelo Clube da Comédia de SP. Chegamos a um nível ridículo em que se paga para assistir um “show” da Carol Zoccoli ou do Bruno Motta. Ambos são ridículos. Bate aquela vergonhazinha alheia de saber que eles fazem algo  e chamam aquilo de humor.

Atualmente, ser apresentado a um “ELE FAZ STAND UP” (porque esses caras não tem designação… standupers?) é quase como se tivesse apresentando o Armando Nogueira para um jornalista. “PUTA MERDA, ENTÃO ELE FAZ STAND UP? ESSE CARA DEVE SER ENGRAÇADO PRA CARALHO!”. Que dureza ver quão triste a vida é.

E é curioso ver que todos aderiram a essa moda babaca. Tem gente que faz piada de duplo sentido infame, que, se contada em um palco, vira stand up. “O Robinho jogou enfiado no jogo-treino. Se o Richarlyson tivesse ali, ia sempre tomar bola nas costas HA HA HA”. Quanta sagacidade do humor. Essas piadas são tão escrotas que merecem um post à parte. “Jogar enfiado”, “bola nas costas”, “enfia por trás”, “quero quero com pica pau”, “entra com tudo” são argumentos de quem quer ser engraçado, mas que infelizmente não é. E isso é válido para CQC, Pânico e similares que aderiram ao script pré-definido para fazer perguntas sem graça e repetitivas.

Deixando de lado o humor televisivo e invadindo a internet, temos a escola Antonio Tabet Produções de humor. Sério. Dá mais dó do que os Stand Up Lovers. Não é possível que alguém ainda veja graça em piadas com o Rubinho, com o Ronaldo, com o Richarlyson, com o Lula… Sério. Não é possível. Abaixo segue uma lista com sacadas geniais (alopração total):

emilio20creu20ronaldo

ronaldo-borgesRubinhoLula-presoRonaldo videntecampanha 2010 Kibeloco

Todo mundo sabe que o Ronaldo foi para um motel com travestis, que o Richarlyson não é dos caras mais machos, que o Rubinho sempre foi um mau corredor e que o Lula é um cachaceiro. Isso é notório. A exploração dessas figuras como forma de fazer humor é a mesma coisa que fazer piadas de loiras: todos já estão de saco cheio de tanta infâmia.

Não acho que o Antonio Tabet é um completo imbecil. Ele só o líder deles, até porque ele já é um tiozinho e essas piadinhas toscas são a cara de gente mais velha mesmo. Não o culpo. Só acho que o legado que ele deixou, com criaturas que se rebelaram contra o criador, veja você, e adsense maníacas são desprezíveis. Copiam a fórmula, o estilo, o humor, os vídeos “engraçados”, as piadas infames, as notícias da semana e ainda tem a cara de pau de usar o termo “kibar” para materiais copiados. Deveríamos usar bobagentar,  pilandear,  tretar e afins para dar um verdadeiro tapa na cara da blogosfera (que termo decadente) brasileira. Leave Kibeloco alone!

Fugindo um pouco do tema do texto,  mas é que é curioso ver que quem faz algo engraçado na internet é citado (quando é citado, porque quase sempre nem isso acontece) nesses blogs em um corpo 3pt no final da página. E é aí que começa a indignação de quem ainda perde tempo com a internet. Esses blogueiros são tipo uma máfia estabelecida, porque não existe mais a “Gostei disso, POR FAVOR, posso publicar no meu blog?”. Já está mais do que definido que copiar o conteúdo alheio e por a fonte já são suficientes. Aí eu fico imaginando: você copia um livro inteiro, põe seu nome na capa… aí lá no fim do livro, num corpo 2pt, tem lá “via Machado de Assis”. Poxa, copiou e citou a fonte. Justíssimo. Vai vender, você vai ganhar dinheiro e, caso alguém pergunte, deixou bem claro que não foi você que fez.

Mas retornando ao assunto. Peraí. Voltei. Mas é rapidinho. William Bonner é a pessoa mais engraçada do momento. E meu tio disse que viu um blog chamado Teletube. Tudo bem, já perdemos a graça.

Meu Twitter

Siga todos os Teletubes (só logar, não é vírus)


PORTA DOS DESESPERADOS

5 outubro, 2009

CLOSE NELE, VEJAM COMO ELE ESTÁ TENSO. ELE VAI ABRIR A PORTA DOS DESESPERADOS. ENTÃO VAI, VAI, VAI…

CAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAALMA!

VOCÊ NÃO QUER TROCAR DE PORTA?

É POR SUA CONTA E RISCO ENTÃO…

VAI NA PORTA 1?

VAI NA PORTA 2?

VAI NA PORTA 3?

VAI NA PORTA 4?

MÚSICA DE SUSPENSE… VAI COM TUDO, VAI, VAI… SÓ CLICAR, VAI, VAI, VAI..

porta1porta2porta3porta4


Exclusivo: CONSEGUIMOS A PROVA DO ENEM 2009

2 outubro, 2009

EXCLUSIVO! EXCLUSIVO! EXCLUSIVO! Nós, do Teletube, conseguimos em primeira mão a prova que foi roubada do Ministério da Educação. Segue abaixo as perguntas do primeiro dia de prova (clique pra ampliar). Gabarito só depois do meio dia.enem2009finalE isso só foi possível graças a mim (e meu Twitter), ao Danilo (e seu Twitter) e ao Daniel (e seu Twitter).

Referências bibliográficas:

@kadubocao, Cersibon


FLOGÃO WILLIAM BONNER

30 setembro, 2009

bonneremoposer1

~EMO POSER VIADINKKKKK~

boa noite!

Twitter | Teletube


Meu vizinho de 82 anos preso por plantar maconha

29 setembro, 2009

Onde esse mundo vai parar? Assassinatos, crises, velhinhos maconheiros… e agora o Twitter. Deixa eu contar isso direito.

Há uns três meses atrás dei uma festa aqui em casa pro pessoal da faculdade. Sabe como é, né? Último ano, galera reunida, bebida, concurso camiseta molhada… e tem sempre UM maconheirozinho que não fuma em casa por medo dos pais, mas na casa dos outros tá beleza, né? FDP. Fico puto.

A festa acabou, todos foram embora e o que acontece? Sempre sobra pro ilustríssimo dono da casa arrumar tudo sozinho. E haja jogar Veja no chão pra limpar aquela imundice. Sem contar o tanto de latinhas que tive que catar espalhadas pelos lugares mais obscuros. Quanto pagam pelo quilo do alumínio? Vou vender essa caralhada de latinha e ficar rico, me aguardem.

Também achei um saquinho com uns matinhos moídos, umas sementinhas, uns carocinhos… sei lá que que era aquilo, mas pra mim era tudo mato. Não tive dúvidas em jogar no quintal do vizinho. Lá é gramadinho mesmo, iam se misturar com os amiguinhos matinhos e sumir pra sempre. Que final feliz.

Veja bem, antes que me culpem de algo pelo que será descrito daqui pra frente, EU SOU INOCENTE, ok? Sou careta, drogas BAH!

Na semana passada,  a minha vizinha da frente (Dona Tereza) viu lá da varanda dela uma plantinha nova que nasceu no quintal do Seu Joaquim (meu vizinho do gramado) e chamou a polícia. Puta de tudo essa vaca fofoqueira. Pô, eu também tinha visto, mas pra mim aquilo lá era a porra de um pé de mamona. Mas não era. Era um pé de maconha legítimo que nasceu ali. VELHO MACONHEIRO!

Eu, do alto da minha juventude, jamais iria achar que o Seu Joaquim era um maconheiro sem vergonha, até porque ele tem 82 anos, tá de cadeira de rodas e não sai mais de casa. Mas, vai saber,  a terceira idade é crítica. Os idosos começam a ficar malucões da cabeça e fazer besteiras como essa. Vocês não veem notícias? Esse mundo tá cada vez mais perdido mesmo.

O pior é que ele tá PRESO. Puta mancada da polícia. E não acho que foi pelo que eu joguei no quintal dele não. Imagina, seria alucinação pensar que poderia ter sido isso. Só joguei uns matinhos sem compromisso que nem eram meus. Nunca que iria nascer alguma coisa de um MATO (e uns carocinhos que poderiam ser sementes, mas sei lá), hehehe.

Analisando a situação com mais calma, relembrei que sempre achei o véio meio desligadão. É sério isso. Desde pequeno, quando eu ia vender rifa de ovo de páscoa pra ele, eu dizia: “É 1 real cada nome na rifa, Seu Joaquim”. E ele: “Comprar pipa? Toma 10 reais, garoto”. LOUCAAAAAAAAAÇO! hahahaha.

Tá aí. Aos que reclamam da justiça, veja ela ela sendo feita. Mais um delinquente atrás das grades. Temos que parabenizar o governo pelo excelente trabalho desenvolvido contra o crime organizado e o Datena por denunciar quem comete atrocidades. Parabéns, governo e Datena.

Me segue no twitter: @pagalanxe

Siga os passos do Seu Joaquim na cadeia: @seujoaquim (zoação)


FAZ TUDO

28 setembro, 2009

faztudo

Sério, isso existe. Fotografado pela @lughinato. Juro que tava do lado como prova.

Se quiserem, sigam meu twitter para dúvidas sobre receitas de bolo de cenoura na bíblia, conserto de zíperes duplos e estúdio para pintores judeus.


Dilemas

23 setembro, 2009

Essas são questões triviais do cotidiano que regem qualquer ser humano. Dilemas morais que acontecem diariamente e que precisam de soluções.

Respondam:

1. Você prefere a porra do mendigo ou o meu cocô?

2. Você comeria a Dercy por 1 milhão de reais? E morta?

3. Você prefere cocô com gosto de lasanha ou lasanha com gosto de cocô?

4. Você preferiria dar pro seu pai ou comer sua mãe pra salvar a pessoa que você ama?

5. O que é pior: a água do danoninho ou cheirar suco em pó?

6. O que é melhor: ser analfabeto ou trabalhar de graça escrevendo as cartas dos presidiários?

7. Se você tivesse que amputar seu órgão genital e tivesse no meio do mato, você o cortaria com um machado ou com uma faca de serrinha?

8. Você prefere um pé com meia ou os dois sem?

9. Você prefere beijar um gay na frente de todos ou dar pra ele sem ninguém ver?

10. Pra sobreviver, você faria sexo com uma pessoa morta ou preferiria comer um poodle toy?

11. Homens: vocês preferem jogar futebol, dormir ou fazer sexo?

Mulheres: vocês preferem fazer compras sem limites ou fazer sexo?

12. Você tem que perder um sentido. Prefere ficar cego ou surdo?

13. Se tivesse que empurrar alguém de um penhasco, empurraria seu pai ou sua mãe?

14. Você está andando de avião e ele vai cair. Você tem na bagagem de mão uma injeção letal que pode matar qualquer pessoa sem sentir dor. Você aplicaria no seu filho ou esperaria o avião se chocar?

15. Seu avião cai e toda sua família está morta. Sua única chance de sobrevivência é o canibalismo. Quem você come primeiro? Seu filho, sua esposa/marido ou sua mãe? Por qual parte começaria?

16. Você está comendo uma deliciosa torta holandesa em seu carro. Um mendigo esfomeado aparece em sua janela e pede algo para se alimentar. É a sua última mordida da torta. Você dá ao mendigo ou enfia tudo goela abaixo na frente dele? Lembrando: é o último pedaço.

17. Você tem uma arma e tem que matar a Xuxa ou a Sasha. Se a Xuxa morrer, você perde todo o seu dinheiro pra sempre. Se a Sasha morrer, você perde seu órgão genital. Em quem você atira?

18. O que é melhor: ser backing vocal da Maísa ou ser assistente do Caçulinha?

19. Seu melhor amigo matou alguém e disse que vai se esconder em um sítio que você sabe onde fica. A polícia te procura. Você o denuncia?

20. Você chuparia as bolas de um policial para provar sua inocência?

21. Você treinaria um homem-bomba para matar 5 mil pessoas e salvar sua família com 5 membros das ameaças de terroristas?

22. O mundo acabou. Você e mais uma pessoa sobreviveram. Essa pessoa é do sexo oposto e é a pessoa que você mais detesta em todas as galáxias. Você se reproduz com essa pessoa e continua com a espécie ou extingue de vez a vida na Terra?

23. O que é mais fácil: me seguir no Twitter ou lembrar a última vez que o Douglas postou? kkkkkk

Colaboraram: @gabrielck, @rayfonseca e @mariperondi


Um post definitivo sobre queixos

2 setembro, 2009

Na teleaula de hoje aprenderemos um pouco mais sobre os queixos e seus mais variados tipos. Queremos homenagear as vacas, pois são as grandes produtoras dessas iguarias. Quem são, de onde eles vêm, como reconhecê-los… preparados?

Vamos lá:

1. Começamos com o mais conhecido de todos, o QUEIXO MUSSARELA (ou muçarela, se você for brasileiro).

queixo mussarela

As características dele são: amarelinho, fininho e você pode pedir pro cara do açougue (Chico Picadinho) mandar ele fatiadinho.

2. QUEIXO PRATO

queixo prato

O queixo prato é muito conhecido porque tem em todo domingo naquele almoço na casa da vó. Você está lá na boa comendo seu macarrão, quando tem que dar aquela sugadinha. Pra não espirrar molho pela sua cara inteira, você se abaixa e mete o queixo no prato. A Glória Kalil diria que isso não é etiqueta, mas ela é ricaça e, nós, que somos pobres, fazemos isso. Por isso o queixo prato tá em segundo lugar.

3. QUEIXO BRANCO

queixo branco

Esse é um queixo muito consumido no Brasil. O principal produtor de queixo branco são a Finlândia e a Suécia, respectivamente. Lá os genes recessivos para o albinismo são mais fortes.

4. QUEIXO DE RICAÇO… QUEIXO CREAM CHEESE

queixo cream cheeseEsse queixo só é consumido pela classe de ricaços. Se você viu a propaganda com o Paulo Zulu e comprou, você é um podre de rico, esnobe e mesquinho. Pobre que é pobre compra gilletes genéricas da Bic e manda ver no pêlo mesmo. Sem a frescura do cream cheese.

5. QUEIXO CHEDDAR

queixo cheddar

O queixo cheddar você reconhece de longe porque ele é bem amarelão. Mais amarelão que o Inter ou que o Vasco quando chegam em finais. É um queixo que você só sabe que existe por conta do Cheddar McMelt do McDonald’s. Só por isso.

6. QUEIXO MUITO, MUITO FEIO: CAMEMBERT

queixo feio camembert

Ai, o queixo Camembert é muito feio. Ele é branco por fora e amarelo por dentro. Além disso, tem várias gosminhas dentro que é melhor não citar. FEIO.

7. QUEIXO ROQUEFORT

queixo rockefortO queixo Roquefort é originário dos EUA, pois era produzido pela família de ricaços ROCKEFELLER. Os Rockefeller, que são a família mais cheia da bufunfa no mundo, tão até hoje produzindo queixos para fazer fortuna. Mesmo sendo verde no meio (credo), o queixo Roquefort é sinônimo de glamour e consumido apenas nas suítes presidenciais de hotéis de luxo.

8. VERSÃO BRASILEIRA: HERBER.. OPS.. QUEIXO GORGONZOLA

queixo gorgonzola

O queixo gorgonzola é a versão brasileira do Roquefort. Brasileiro que é brasileiro adora piratear as coisas. Como bons piratas, TENTAMOS, mas não fica igual, né? Ele também é verdinho no meio e parece um pé esfolado por cima. FEIO.

9. QUEIXO GRANDE… REQUEIJÃO

quxio requeixao

O requeijão é uma pasta gosmenta muito semelhante ao… bom, vamos para o próximo.

10. QUEIXO COTTAGE

queixo cottage

O queixo cottage você só vê no Natal. Ele nada mais é do que um queixo branco ralado e unido. A foto acima explica melhor o que eu tô falando.

11. QUEIXO RALADO

queixo raladoO queixo ralado é um dos queixos mais acessíveis à população. Todos podem ter. Não tem essa de exclusividade. Ele é distribuído gratuitamente na porta de entrada do Ragazzo (FDP’s), principalmente com chão molhado. Como vocês podem ver, ele é muito popular em todo lugar do mundo, ilustrado acima pela foto da atriz pornô Paris Hilton.

12. QUEIXO PROVOLONE

queixo provoloneBom, RERERE, esse não é bem um queixo, mas é outro que é bem consumido aqui, principalmente por mulheres e por homens decididos. Eles ficam no supermercado pendurados (igualzinho como está na foto) e amarrados com uma cordinha. Queria entender esse sadomasoquismo todo. Perdoa, pai, eles não sabem o que fazem.

13. QUEIXO SUÍÇO

queixo suiço

Esse queixo todo mundo conhece na adolescência. Ele é todo furadinho e isso se deve a chocolates e atividades manuais ligadas ao Redtube (que na minha época não existia :/). PENSA QUE EU NÃO SEI, SAFADINHO? HEHEHE

14. QUEIXO RICOTA

queixo ricota

O queixo ricota é quase um queixo suíço, mas é mais molenga e mais detonado. Não são furinhos redondinhos. São acabados mesmo.

15. ESSE É SÓ MAIS UM QUEIXO FRANCÊS QUALQUER

queijo frances qualquer

Tem mais um monte de queixo francês que eu prefiro não citar. O da foto é o queixo mais conhecido dentre os deconhecidos.

16. QUATRO QUEIXOS

4queixos

Aaaaaah, esse daí eu gosto. Esse é bom. Toda sexta eu falo pra minha mãe: “Mãe, pede meia quatro queixos, meia 2 queixos”. Adoro queixos, como vocês podem ver.

17. QUEIXO MINAS

queixo minas

Ai, esse queixo é maravilhoso, gostoso demais. Adoro minas. Esse é o queixo que todos querem comer, mas nem sempre conseguem. Na foto, o mais belo exemplar do queixo minas. Eu só quero saber em que pasto fica a vaca que fez esse queixo delicioso aí. Hummmm.. Mineirinhas me add, hehehe.

18. ATENÇÃO: ESSE NÃO É UM QUEIXO DE VERDADE. É UM QUE LI E GOSTARIA DE INDICAR. CHAMA-SE: QUEM MEXEU NO MEU QUEIXO?

quem mexeu no meu queixo1HEHEEHEHEHEHEHE. ESSE É O LIVRO DE CABECEIRA DO ZEZÉ DI CAMARGO.

Bom, gente. Espero que tenham gostado da teleaula de hoje.

Twitter: Clique pra me seguir

Twister: Clique aqui pra seguir o Teletube

E visitem meu blog carreira solo: CLICK TO ENLARGE YOUR PENIS


Dossiê Manoel Carlos

31 agosto, 2009

Como todos devem saber, em poucos dias você será agraciado com mais uma tortura televisiva produzida pelo grande (ai!) Manoel Carlos. Sim, sim, sim, amigos, agora em setembro começará a mais nova novela dele: Viver a Vida.

viveravida1

Um título lindo, porque a vida é linda, não é mesmo, minha gente? O Leblon é lindo, ser rico é lindo, todo mundo é lindo. Segundo o autor, ele não procura retratar a realidade das pessoas, mas algo muito verossímil (HAHAHAHAHAHAHAHAHAHA) à ela.

Mas, para o espanto geral da nação, a nova trama não se passará totalmente no Leblon (todos choram). Será em Búzios, nova inspiração (ai!) do autor. Mas, pra quem ficou triste com a linha de cima, é ÓBVIO que o Leblon servirá para fugir da rotina de Búzios (todos comemoram).

Como todos sabem, tudo acontece no Leblon. A Helena é sempre um porre que tomanocu a novela inteira e no último capítulo tem um final feliz. Aliás, nunca perca o último capítulo, porque é sempre onde 10 dos 11 casais da novela se casam. Porque o casal gay não se casa. É contra a moral e os bons costumes do brasileiro, né?

Enfim, segue uma lista do que o grandioso escritor Maneco (sou íntimo, ok?) possa ter esquecido nessa nova novela. Sabemos que uma coisa ele já esqueceu (alzheimer): Regina Duarte como protagonista.

issoeumabsurdo

Se eu escrever muitas vezes a palavra “realidade”, não ligue. Só quero enfatizar o que o autor chama de real.

1. Helena: isso ele não esquece. Pobre, Regina Duarte, desempregada há tanto tempo e nem o Manoel Carlos quis dar outra chance pra essa brilhante atriz. Uma pena.

reginaduarteduascarasUse Vagisil

2. Duas primeiras semana da novela em algum país da Europa: é sempre assim. Mostram a boa vida de pessoas que não têm mais nada pra fazer e estão lá a passeio. Um porre, porque aparecem ceninhas mela-cueca bem ao estilo novela mexicana. Passeios no Louvre, felicidade radiante, preocupação ZERO. Ah, claro, todos os brasileiros olham pra isso e pensam: “Sou eu retratado ali”. Claro.

3. Abertura da novela de Tom Jobim: Bossa Nova foi uma das piores contribuições musicais à história da música mundial. Mas essa é realidade musical brasileira, segundo Manoel Carlos. É a música que toca em todos os carros dos LEKS que passam nas ruas com o som no último volume: Garota de Ipanema no Pancadão. É triste pensar que falar mal de Bossa Nova seja heresia na moralista sociedade brasileira: “É a cultura brasileira. Falar mal da Bossa Nova é um ultraje a todos os brasileiros. Inaceitável.” Tá, senta ali, Cláudia. É um estilo de música que é feita pra dormir, pra tocar em dentista enquanto ele extrai um dente seu, em salas de espera, antes de ser eletrocutado na cadeira elétrica…

4. Um país chamado Leblon: O Leblon é o mundo. Manoel Carlos entende tanto de Brasil como a Glória Perez entende de cultura estrangeira. Lá é o paraíso. Todos acordam bem humorados, tomam aquele café especial, nunca há nuvens no céu, o Sol está sempre radiante… perfeito para ir pra praia numa quarta-feira.

leblon

5. Ninguém trabalha: Recheado de madames e dondocas, o legal é viver a vida na high-society, falar mal dos outros e trair o marido. E, claro, andar no calçadão. O núcleo trabalhador não precisa ir muito longe não. Geralmente eles têm uma livraria, um restaurante, um barzinho cult, uma galeria de arte… todos os lugares onde o Maneco possa introduzir a trilha sonora de Bossa Nova ao fundo sem que pareça estranho. No Leblon.

6. Empregadas sempre uniformizadas, estereotipadas e intrometidas: eu sempre peço pra a mulher que vem limpar aqui em casa por um uniforme. O que meus convidados acharão se ela estiver com uma roupa qualquer? Que ela é de casa? Bem-vindo ao mundo mágico de Manoel Carlos. Sem contar que todas elas têm o mesmo estereótipo: são nordestinas ou negras e adoram dar pitacos na vida da patroa.

7. Doutor Moretti: tem que ter um núclero médico na novela. O doutor Moretti ou é o médico da família ou é o médico-chefe ho hospital.

8. Presença em todos os capítulos de Diálogos Macabéicos Infundamentados:

Helena: Vamos tomar água de coco na praia?

Alice: Não posso, hoje vou no Hermes, meu cabeleireiro.

Helena: Hoje vou ao show do Roberto Carlos também.

Alice: Mas o trânsito está caótico. Preciso ir na quitanda.

Helena: Ah, eu gosto de tomates, principalmente quando estão vermelhinhos.

Alice: É verdade. Caótico. Até mais, amiga.

9. Bons livros, bons vinhos, boa comida, boa música: os atores são apreciadores natos da boa vida. Não curtem churrasco na laje com cadeiras de plástico e espetinho de gato. O máximo de pobreza que a novela chega é quando a empregada vai “siacabar” num pagode.

10. Criança insuportável: um jovem ator mirim que acaba com o futuro de sua carreira ao atuar em uma novela de Manoel Carlos. São irritantemente insuportáveis e não conseguem outros papéis.

11. Passeatas de ricaços pelo fim da violência ou de qualquer tema que esteja sendo abordado na novela: COMOVENTE.

passeata

12. Dica cultural “despretensiosa”:

Helena: Betina, vamos passear no calçadão?

Betina: Não, não posso. Hoje vou comprar os ingressos para o espetáculo Hairspray, aqui mesmo no Leblon. Dizem que é ótimo. Quer que eu compre pra você?

Helena: Claro, amiga. Vamos juntas. Estou empolgadíssima.

13. Gêmeos: tara de Manoel Carlos. O RedTube revelou dados dos usuários e o IP do Manoel Carlos era o líder na busca por “hot twins” lá. Eu, hein.

14. Galãs que são passados pra trás pelo grande pegador José Mayer: não importa se o cara é o Rodrigo Santoro, o Reynaldo Giannechini ou o Rodrigo Hilbert. O José Mayer vai traçar no mínimo 5 mulheres gostosonas na novela e os bonitões vão ficar chupando o dedo ou vão ser obrigados a pegar a filha do Manoel Carlos.

josemayer

15. Depoimentos reais de problemas sociais com tentativa de lição de moral: a novela para, os atores somem e aparece um depoimento de uma tiazinha que acordou toda babada ouvindo Côncavos e Convexos do Roberto Carlos. Em seguida, ela conta o problema pessoal dela, que, claro, está sendo retratado pela novela. Ô, dó. Nunca surtiu efeito em ninguém.

16. Casal gay: os únicos que não se casam no último capítulo da novela.

17. Vou viajar pro exterior, quero comprar uma BMW, quero comprar uma casa em Búzios: tudo isso é feito em questão de segundos. Compram as coisas como se tivessem comprando um chiclete na padaria.

18. Atrizes que fazem papéis de insuportáveis e são confundidas com vilãs: nas novelas dele não existe vilã ou vilão. Quem chega mais perto são as que pegam o marido das outras. Condenável.

Aí, depois de tudo isso, você diz: mas eu não assisto novela, então, dane-se ele. Realmente, eu também não assisto, mas é novela… sua mãe não perde um capítulo. Você, quando menos espera, senta pra jantar na sala, assiste um mísero capítulo e já sabe de tudo que tá acontecendo na trama super genial desse sensacional autor.

Dia 14 começa a tortura, hein. ARE BABA, rs!

Me sigam no Twitter.


BURA FIA BURA MAE

26 agosto, 2009

xuxa_tirinha_b

Sigam o @teletube. Me sigam bem caminhoneiro.


CORRE, ALEX!

25 agosto, 2009

UPDATE:

Tiraram o original do ar, mas tem esse com Keyboard Cat.


Não tem programa pra sábado à noite?

21 agosto, 2009

tedio

Há quase uma semana atrás, estávamos em um sábado à noite. Aquele sábado típico em que todas as possibilidades que você tem para sair com sua namorada já se esgotaram. Não dava pra ir no cinema, porque já vimos todos os filmes que estão em cartaz. Nem ao shopping, porque corremos 10km no parque pela manhã e o cansaço tava duro de aguentar. Muito menos a uma hamburgueria, porque ela é vegetariana. Ou seja, essa cidade minúscula que é São Paulo não tinha nada de interessante para se fazer.

Como ficar em casa assistindo Zorra Total era a última das opções, tive uma daquelas minhas ideias brilhantes e estúpidas. Falei pra ela: “por que a gente não vai na Igreja Universal?”, e dei risada. Mas para uma ideia ser bem sucedida, você precisa receber o apoio de alguém. E ela achou o máximo. E que grande merda foi ela ter concordado, mas fazer o quê, né? Eu que tinha sugerido.

Como nós não torcemos pra nenhuma religião, pensamos pelo lado positivo: “pode ser uma experiência interessante”. Ô, se pode. Quem não acharia maravilhoso ver um cego enxergando, um mudo falando e um cadeirante andando? Poxa, por que não dar uma chance para conhecer a igreja e encontrar o caminho de Jesus? Hahahahahahaha. Brincadeira, a gente só queria saber quem seria o campeão em risos contidos.

Pegamos nossas coisas e fomos. A Igreja fica a uns 3 quarteirões pra baixo da minhas casa e só sei que ela existe porque dá pra ouvir os berros daqui do meu quarto. Sou quase um evangélico praticante à distância.

Chegando lá, achei que tinhado entrado pra assistir um jogo da Copa em um boteco qualquer, porque tinha um mundo de cadeiras de plástico branca para dar um visual incrível. O culto começou e uma galera foi lá na frente dar testemunhos. Tinha um que era miserável e ficou pobre graças a Jesus. Outra que o marido largou, mas que agora é plenamente feliz porque encontrou o caminho de Jesus. Teve até quem dissesse que teve um encontro com o diabo, e, pela descrição, era o Hellboy. Num sei não se esse pessoal, viu? Andam assistindo muitos filmes.

Tava tudo bem até ali. Vários “Aleluia!” e nada muito especial. Meus risos estavam contidos. Ainda. Foi então que anunciaram que, excepcionalmente naquele dia, fariam o ritual de descarrego. Explicaram que terça não tinha tido porque o pastor teve problemas e então fariam no sábado. GENTE! O que que é isso? É algo que vai além de qualquer experiência mundana, hahaha.

Logo se formou um corredor e todos começaram a passar pelo meio. Não sei se baixa o espírito de árabes no pessoal, mas aquilo ali não era português nem fodendo. Era só HALAHALANOTCHANAE pra todos os lados. Eu comecei a rir de uma maneira que nunca tinha rido antes. Sério, é muito engraçado. Aí passaram um óleo na minha testa e berraram: esse aqui está com o diabo no corpo. PRA QUÊ?  P-R-A Q-U-Ê?

Todos fizeram um círculo em mim e começaram a fazer meio que uma urucubaca. Eu deveria ter parado de rir. Sério. Mas não dava, eu tava é chorando de rir (no sentido literal), rindo pra CARALHO, rindo ABSURDAMENTE, enquanto a Lu só tava de canto com a mão na boca segurando a gargalhada.

Descarrego2

O negócio meio que começou a esquentar. Eles ficavam colocando a mão na minha cabeça e falando: O DIABO TÁ FAZENDO ELE CHORAR. XÔÔÔÔ, SATANÁS! Eu já tava começando a ficar puto, porque os caras não paravam. Aí eu dei uma parada na gargalhada e falei “Tá beleza, ele já saiu.. pode parar”. HÁ! Até parece que eles iam largar de mim sem que eu não caísse desmaiado no chão, né. Um malucão insistiu: TU ÉS DIABO, ÉS UM FINGIDOR, O SEU CORPO ESTÁ AMALDIÇOADO PELO SANGUE DO DEMÔNIO. Se só ficasse berrando na minha orelha, beleza, mas eles não paravam de por a mão na minha cabeça, de me puxar… CARALHO! QUE BANDO DE CHATOS DA PORRA!

Não tive dúvidas. O capeta deve ter descido em mim naquela hora. Comecei a dar soco nos caras pra eles me soltarem. Veio um cara e me segurou, meti uma cotovelada na boca do estômago e saí correndo. Ainda empurrei mais uns 3 que tentaram me segurar na porta e tive que dar uma de Usain Bolt até minha casa, porque, acreditem, os caras vieram atrás. E gritando, ainda por cima: SATANÁS SAI DESSE CORPO! SAAAAAAAAAAAAAAAI.

Eu não sei o que esses caras pensam, sinceramente. Se Satanás realmente estiver no corpo de alguém, ele vai encher todos que ficam fazendo essas coisas de porrada. Acreditem, ele não vai querer sair na boa, não.

___________________________________________________

Tenho twitter. E outro blog. E amor no S2.

UPDATE:

O Teletube tem twitter e ninguém segue! 😦


Ai, ai, a Globo… Ai, ai, a Record…

13 agosto, 2009

Eu sempre perco várias coisas boas pra postar aqui porque me dá preguiça de escrever na hora. Mas não atrasarei. O assunto de hoje é sobre o grande espetáculo promovido pela Globo anteontem (11/08) no Jornal Nacional.

Logo depois da escalada, Willian Bonner aparece dando uma mensagem que aparentava ser o fim dos tempos. Só olhando pra cara e pra voz dele, parecia que Michael Jackson havia ressuscitado e voltado a comer criancinhas. Mas não. Era uma reportagem de denúncia contra Edir Macedo, o bispo (?), dono da IURD e da Record.

Uma matéria imprestável, lamentável e tudo que termina com ável. Não digo isso porque gosto de evangélicos (não torço pra nenhuma religião, só pra deixar claro), mas sim pela maneira de como a matéria foi feita. Se o Padre Marcelo tivesse sido indiciado por ser dono de 5 casas noturnas e 8 prostíbulos, a reportagem duraria o tempo de uma matéria normal no Jornal Nacional, que é de aproximadamente 2 minutos e meio. Mas, novamente, não foi isso que aconteceu. Levou 10 minutos, sendo que, apesar da denúncia contra Edir apresentar mais empresas no seu nome, só se falava em Record, Record, Record… Eu não ouvia tanto Record na Globo desde as Olimpíadas de Pequim, rs.

O ápice da matéria veio com um fluxograma (GENTE? Fizeram até fluxogramas explicando como o dinheiro voltava) milimetricamente arquitetado e quase nada tendencioso. Enquanto o texto era narrado, aparecia uns graficozinhos na tela, que, visualmente, foi dessa maneira:

record

Uma puta de uma letra garrafal fenomenal. Minha mãe quando viu, levou um susto e até caiu do sofá, rs.

printrecord

A Globo exagerou – por muito – na dose. Passou do limite de ludibriar os telespectadores (como faz normalmente, mas mais acobertadamente) e ficou escancarado o ataque pessoal, a rixinha. Se desse pra fazer uma comparação bizarra, diria que a Globo largou a era da cortina entreaberta, onde apenas alguns conseguiam realmente enxegar o que se passava por trás do pano, para fazer sexo explícito no meio da Avenida Paulista. Tudo bem que o maior ateu do mundo, o bispo Edir Macedo, merece um dia inteiro para suas falcatruas e maracutaias, mas um jornal dedicar 1/3 do tempo total apenas para isso já é absurdo. Principalmente quando está estampado na testa da Fátima Bernardes que é por conta de concorrência.

Na reportagem, repassaram um dos primeiros virais da internet: aquele vídeo que todo mundo já viu do Edir Macedo contando como enganar o povo. Pra quê? O que tem a ver o cu com as calças? É a mesma coisa que acusar o Ronaldo de não marcar gols e, logo em seguida, mostrar uma câmera de um motel dele com os travecos. É sensacionalismo gratuito. É um Soniabrãoismo.

E emendam pra finalizar: “E a notícia tomou proporções internacionais. A Reuters blabla, o Diário de Notícias blablabla…” Dava pra ver que eram tipo aquelas notícias de rodapé que ninguém do exterior dá bola, mas que, POXA, ELE É DA RECORD, NÉ. FOGO INTERNACIONAL NELE!

Se eu fosse entrar no mérito pra falar também da Globo, seria chato, pois todo mundo já conhece a história. Sabe que a Globo apoiou a ditadura, elegeu o safado do Collor, tentou fraudar eleições, entre milhões de outras coisas… Falar que é “o sujo falando do mal lavado” já virou redundância.

Por sua vez, a Record não quis deixar barato: copiou a Globo (olha outra redundância aí, geeente). Dedicou 10 minutos do Jornal da Record pra falar mal da Globo (e só no final falam do Bispo… dizendo que ainda está sendo “apurado”). Óbvio que tinha que ser igual. A Record copia tudo. Fizeram showzinho com todas as ex-crias da Globo (Ana Paula Padrão, Lucio Sturm, Celso Freitas) e aproveitaram o momento pra dizer que alguns programas são líderes de audiência e também pra divulgar que vão lançar o R7, um portal de notícias na internet. HAHAHAHAHAHA essa só rindo. Até o nome os safados imitam. Só não registraram R9, porque o Ronaldo brilha muitcho (desculpe, nunca achei que fosse falar isso). Entre todas essas viadagens de G1, R7, C4 (caraio a 4)… sou mais o CX10 e o DS7 (só pra boleiros essa rs).

Quem vence por fatality? Nenhuma. Ambas tomam KO no primeiro round quando o assunto é picaretagem. A guerra pela audiência move mundos e fundos e nós nos movemos pra internet pra comentar essa babaquice. Pelo menos é engraçado. É o chamado humor involuntário da TV brasileira. Dá pra rir mais do que qualquer programa de humor das duas emissoras juntas. INFELIZMENTE.

Vídeo: Edir Macedo no Jornal Nacional (11/08)

Resposta: Record não se defende. Apenas ataca e diz que caso está sendo “apurado” (12/08)


Aqui você faz | Léo Guerra | Fluxograma do Teletube

10 agosto, 2009

fluxograma teletube


Banner do Teletube. Eu tô muito postador. Desculpem! :/

10 agosto, 2009

Queria dizer que finalmente o Teletube tem um bannerzinho pros brothers. Se você quiser colocar no seu blog, fiz em dois tamanhos diferentes.

120×50 pixels

banner120x50teletubeCódigo:

<a href=”http://teletube.tv”><img src=”https://teletube.files.wordpress.com/2009/08/banner120x50teletube1.gif&#8221; border=”0″ width=”120″ height=”50″ />

——————————————————————————————

180×40 pixels

banner180x40teletube

Código:

<a href=”http://teletube.tv”><img src=”http://img37.imageshack.us/img37/6264/banner180x40teletube.gif&#8221; border=”0″></a><br><br>

——————————————————————————————

Agradecemos!


BOMBA! FOTOS EXCLUSIVAS: KONE QUEBROU O PESCOÇO EM ACIDENTE

10 agosto, 2009

É sabido que o Kone sofreu um acidente de moto com o Rodrigo. Apesar de ele dizer que está tudo bem, a situação é muito mais preocupante do que aparenta. Como ele está entre a vida e morte, nada mais justo do que prestar uma homenagem a esse cara que trouxe muita alegria pro Teletube.

Pra quem não o conhecia, vou mostrar algumas fotos retiradas do seu arquivo pessoal, onde o próprio Kone é flagrado em atividades cotidianas: almoço, estudos, futebol. E o que é mais chocante: temos a última foto antes do acidente e de como ele ficou depois do ocorrido. Se tiverem estômago, desçam a barra de rolagem e vejam com seus próprios olhos.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

Foto do pescoço do Kone, quebrado depois do acidente de moto (IMAGEM CHOCANTE):

konepescoco

A última foto antes do acidente:

koneandandodemoto

REVELAÇÃO: KONE ERA UMA PESSOAL NORMAL, UM CARA BEM FAMÍLIA…

konealmocoALMOÇANDO EM CASA

koneestudandoESTUDANDO PARA A PROVA NA FACULDADE

konegol

MARCANDO UM GOL NO RODRIGO

FICA NA BOA, AMIGÃO. SE VOCÊ NOS DEIXAR, SAIBA QUE NÓS DO TELETUBE O LEVAREMOS EM NOSSOS CORAÇÕES.

S2

Todo mundo seguindo o Kone no Twitter e mandando a mensagem “++++~~~~~POSITIVE VIBS ~~~~~++++, amigo Kone http://bit.ly/vNMos

Vai ajudar muito na recuperação do nosso amigo. O link que eu coloquei é pra essa matéria sensacionalista.

E, ah, me sigam no Twitter porque eu descobri o caminho das pedras.


%d blogueiros gostam disto: